Quinta Maria Izabel Branco 75cl

22,90

CASTAS: Viosinho, Rabigato, Códego do Larinho, Vinhas Velhas

De cor citrino esverdeado, apresenta um aroma fresco denotando complexidade. Tem um intenso carácter mineral, que lhe confere frescura, juntamente com notas de fruto de pomar – ameixa branca, citrinos – raspa de lima, leve aroma a fumo e especiarias. Franco na boca apresenta-se mineral, envolvente com acidez temperada pela leve untuosidade concedida pela parcial maloláctica realizada em barrica.

Categorias: , ,

Berço do que somos e fazemos: do rio fizeram-se os montes e as gentes que respiram esta origem.

O Douro a perder de vista: é esta a paisagem, é este o enquadramento dos nossos vinhos. A Quinta Maria Izabel estende-se por 130 hectares numa das zonas mais privilegiadas da região Duriense. Um ímpeto transformado num grande projecto. Uma ideia que revela ser, afinal, mais que um sonho Brasileiro em terras lusas. Seja muito bem-vindo a uma ideia transformada num grande projecto.

O Douro é o grande trabalho do Homem na Natureza: milénios de intervenção e séculos de construção, moldaram e construíram o Douro lusitano. Uma relação de força e carácter manifesta-se no esplendor das vinhas e do vinho que produzem. As vinhas que dobram as curvas do rio, crescem e formam o seu génio desde há 80 anos. As personalidades que compõem esta orquestra variam, nas castas brancas, entre o Viosinho, Rabigato, Códega do Larinho e Gewurztraminer todos com quatro anos e a senhora destes socalcos Vinhas Velhas com 80 anos. Nas castas tintas o sangue lusitano é quem vence, ressaltam nomes como Touriga Nacional a Touriga Franca e a Barroca, Tinta Roriz, Tinta Amarela, Tinta Francisca Tinto Cão e Sousão e para rematar Mistura Tinto.

Peso 1.2 kg

Start typing and press Enter to search

Carrinho

Nenhum produto no carrinho.